AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO DE NOVO PROTÓTIPO DE FOTOBIORREATOR NÃO TRANSPARENTE PARA CULTIVO DE MICROALGAS COM ILUMINAÇÃO INTERNA ATRAVÉS DE POFS QUE RECEBEM A LUZ DE LENTES MONTADAS EM SISTEMA DE RASTREAMENTO SOLAR

Gisel Chenard Díaz, Yordanka Reyes Cruz, Rene Gonzalez Carliz, Fábio Toshio Dino, Rosa Cristina Vitorino de Paula, Donato Alexandre Gomes Aranda, Marcelo Werneck, Alfredo Omar Córdova Manchego, Regina Allil, Marina Galindo Chenard, Luiza Paula Conceição Lopes, Hélio Merá Assis

Resumo


A elevada produtividade de óleo/hectare-ano das microalgas, conforme descrito na literatura, motivou nos pesquisadores a nível mundial o interesse de estudá-las como matéria prima na produção de biodiesel. No entanto, o elevado custo de produção e manutenção dos sistemas fechados de cultivo em larga escala (tipo “Fotobiorreator”) e os problemas de contaminação e conseqüente menor produtividade dos sistemas abertos (tipo “Lagoas abertas”) tornaram-se limitantes importantes na avaliação da sustentabilidade de produzir biodiesel a partir de microalgas. Focados no desenvolvimento de tecnologias que viabilizem o cultivo de microalgas e o aproveitamento e valorização de produtos, subprodutos e resíduos desta indústria utilizando o conceito de biorrefinaria, neste trabalho avaliou-se o desempenho de um sistema de cultivo montado nas dependências do Laboratório de Tecnologias Verdes - GreenTec/EQ/UFRJ. O protótipo está formado por fotobiorreator não transparente com iluminação interna através de um feixe de fibras ópticas plásticas (POFs) que recebem a luz solar de lentes montadas em um sistema de rastreamento solar. Este estudo foi realizado de forma comparativa, avaliando em paralelo o crescimento celular da espécie Monoraphidium sp. no sistema de cultivo tradicional formado por fotobiorreator transparente tipo Janela. Após o cultivo verificou-se a produção de biomassa de microalgas em ambos os sistemas, através das análises de contagem de células e peso seco. Seguidamente, avaliou-se o potencial da biomassa microalgal produzida para a produção de biocombustíveis a partir da quantificação do teor de lipídios convertíveis em biodiesel - LCB.

Palavras-chave


Fibras Óticas Plástica, Rastreamento Solar, Microalgas

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia