ANÁLISE DA PREVISÃO DO VENTO EM UM PARQUE EÓLICO COSTEIRO NO NORDESTE BRASILEIRO

Isadora Limas Coimbra, Mônica Nassar Machuca, Júlio César Passos, yoshiaki sakagami sakagami, Reinaldo Haas, Frederico De Freitas Taves

Resumo


Este estudo avaliou as previsões de velocidade e direção do vento obtidas através da simulação com o modelo numérico de mesoescala WRF-ARW, versão 3.6.1, na região costeira da Usina Eólica de Pedra do Sal, localizada no Nordeste do Brasil. Procurou-se investigar a eficiência do modelo para uma possível aplicação em outros parques eólicos costeiros do país frente à crescente demanda de previsões de vento e produção de energia eólica associada. Ainda, com uma maior inserção da fonte eólica na matriz energética brasileira, estas previsões estão ligadas à segurança do suprimento energético no território nacional. Simulações atmosféricas em áreas costeiras introduzem dificuldades adicionais nos modelos de previsão e a Usina Eólica de Pedra do Sal exibe grande influência marítima que afeta o comportamento dos ventos locais. O modelo WRF mostrou prever com certa precisão a velocidade do vento na região da Usina, apresentando um valor médio de RMSE igual a 1,53 m/s para os meses de setembro a dezembro de 2013. Em relação ao bias, observou-se uma tendência do modelo de superestimar a velocidade do vento, com exceção do mês de dezembro, onde a velocidade do vento foi subestimada (-0,27 m/s). Ademais, foram observados maiores erros nas velocidades previstas em épocas de ventos mais intensos. A previsão da direção do vento também mostrou bons resultados, em que foi observado uma pequena subestimação na frequência da direção principal do vento de 4,7%.

Palavras-chave


Simulação do Vento, Energia Eólica, Áreas Costeiras

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia