OFICINA E INTERAÇÃO PRÁTICA COM SISTEMAS FOTOVOLTAICOS EM PERSPECTIVA CTSA PARA CAPACITAÇÃO DE GRADUANDOS DA UNIVERSIDADE DO ESTADO DO PARÁ CAMPUS XX.

  • mariana araujo moraes UEPA
  • José Victor Bezerra Teixeira UEPA
  • Marilia Enelicam Elias Albuquerque UFPA
  • José Fernando Pereira Leal UEPA
  • Erick Elisson Hosana Ribeiro UEPA
Palavras-chave: Energias Renováveis, Formação Acadêmica, Educação Ambiental.

Resumo

O avanço tecnológico e o aumento populacional global vêm estimulando a sociedade a explorar cada vez mais novas matrizes energéticas que garantam a sustentabilidade e estejam amparadas por legislações de preservação ambiental. Nesse sentido, há interessantes possibilidades didáticas para o ensino de ciências como, também, na formação acadêmica, possibilitando discussões mais abrangentes. Assim, a proposta deste trabalho é analisar as contribuições de uma oficina temática sobre energias renováveis para a formação acadêmica de estudantes dos cursos da Universidade do Estado do Pará, no município de Castanhal, envolvendo a construção e a análise da eficiência energética de corrente elétrica gerada por dois tipos de sistemas fotovoltaicos, placas de diodo emissor de luz e comercial, com enfoque em Ciência, Tecnologia, Sociedade e Ambiente. Os dados coletados dos sistemas fotovoltaicos e da oficina temática foram analisados com abordagens qualitativas, e quantitativas com registros em curvas de sensoriamento de corrente com monitoramento estatístico, em questionário de sondagem, e organizados em gráficos, para posteriores discussões qualitativas. Dentre as principais contribuições, foi constatado que os estudantes obtiveram melhores compreensões dos conceitos de Ciência, Tecnologia, Sociedade e Ambiente através do envolvimento no funcionamento dos sistemas fotovoltaicos, coletas de seus dados e análises comparativas desses resultados com modelos de monitoramento estatístico. Esses estudos capacitaram e qualificaram os conhecimentos científicos e tecnológicos relacionados a temática, propiciando à estudantes discussões mais pertinentes no seu meio social com enfoque na educação ambiental. Portanto, a discussão sobre as relações entre Ciência, Tecnologia, Sociedade e Ambiente mostrou a importância da interação com a comunidade acadêmica e local, motivando os estudantes a disseminar estes conhecimentos e adotar propostas de ensino de ciências no contexto temático de energias renováveis.
Edição
Seção
Mercado, Economia, Política, aspectos sociais - Educação e capacitação em Energias Renováveis.