ANÁLISE COMPARATIVA DAS FONTES DE ENERGIA SOLAR FOTOVOLTAICA, HIDRELÉTRICA E TERMELÉTRICA, COM LEVANTAMENTO DE CUSTOS AMBIENTAIS

  • Lara Raquel de Jesus Rodrigues Silva UnB
  • Rafael Amaral Shayani UnB
  • Marco Aurélio Gonçalves de Oliveira UnB
Palavras-chave: Hidrelétricas, Termelétricas, Solar Fotovoltaica.

Resumo

Atualmente o setor elétrico brasileiro é suprido basicamente por fontes termelétricas e hidrelétricas, porém essas fontes provocam impactos ambientais relevantes. O aumento esperado no consumo de energia para os próximos anos possivelmente provocará a exaustão desses recursos, em que a crise energética se agravará com a escassez de recursos hídricos, desperta a necessidade de inserção de novas fontes, preferencialmente as renováveis, para evitar essa possível situação de crise. Nesse contexto, essa pesquisa tem o intuito de fazer uma análise comparativa da energia solar fotovoltaica com as principais fontes de energia elétrica já utilizadas no Brasil, hidrelétrica e termelétrica, considerando dimensões ambientais e econômicas, visando a diversificação da matriz energética. Como objetivo específico, espera-se identificar as vantagens e desvantagens das energias solar fotovoltaica, hidrelétrica e termelétrica, comparando impactos ambientais e ponderando, de forma qualitativa, os mesmos permitindo assim verificar qual a opção que, sob uma ótica mais abrangente, é mais atrativa.
Edição
Seção
Mercado, Economia, Política, aspectos sociais - Impactos Sociais, Econômicos e Ambientais de Energias Renováveis