AVALIAÇÃO ECONÔMICA E DE RISCO DE UM PROJETO DE IMPLEMENTAÇÃO DE UM SISTEMA SOLAR FOTOVOLTAICO

  • Laura Jacoby Ruaro PUCRS
  • Ana Paula Beck da Silva Etges PUCRS
Palavras-chave: Sistema fotovoltaico conectado à rede elétrica, Viabilidade econômica e Simulação de Monte Carlo.

Resumo

As energias renováveis representam uma parcela significativa na Matriz Elétrica brasileira; entretanto, o país sofre as consequências de uma crise desencadeada pela grande dependência em relação à energia proveniente das hidrelétricas, aliada à falta de ampliação da capacidade de oferta de energia. Nesse contexto, inserem-se as Resoluções Normativas nº 482 e 687 lançadas pela ANEEL que autorizaram consumidores a produzir energia no próprio local de consumo através de uma fonte renovável. Apresentando elevados índices de irradiações solares, o Brasil garante vantagens para usufruir da energia fotovoltaica para suprir sua demanda energética, contudo o ainda elevado custo da tecnologia e a carência de um eficiente apoio para aquisição do capital do investimento mostram que o governo federal deve ampliar os incentivos para promover a geração distribuída, a fim de que essa vantagem seja repassada aos consumidores. Ao analisar a viabilidade econômica de um sistema fotovoltaico conectado à rede elétrica, englobando a análise de riscos através da Simulação de Monte Carlo para obtenção de resultados mais consistentes, esse estudo resultou em um Valor Presente Líquido (VPL) negativo e sensível à variabilidade do reajuste tarifário, concluindo-se como inviável, do ponto de vista econômico, o investimento para uma indústria de pequeno porte em Porto Alegre.
Edição
Seção
Mercado, Economia, Política, aspectos sociais - Impactos Sociais, Econômicos e Ambientais de Energias Renováveis