IMPACTOS DA GERAÇÃO SOLAR FOTOVOLTAICA NAS DESPESAS COM ENERGIA ELÉTRICA EM CAMPUS UNIVERSITÁRIO

  • Gustavo Xavier de Andrade Pinto UFSC
  • Julio Boing Neto UFSC
  • Isadora Pauli Custódio UFSC
  • Helena Flávia Naspolini UFSC
  • Ricardo Rüther UFSC
Palavras-chave: Energia solar fotovoltaica, Aproveitamento da energia solar, Gestão da energia elétrica

Resumo

Este trabalho visa avaliar os impactos da inserção da geração fotovoltaica de 5 MW sobre as despesas com energia elétrica da Unidade Consumidora Cidade Universitária da Universidade Federal de Santa Catarina. Para o ano de 2016, foram simulados os impactos proporcionados pela agregação da energia solar fotovoltaica à unidade consumidora sobre as despesas com energia e com demanda. Neste ano, o sistema fotovoltaico teria gerado aproximadamente 6.193,5 MWh, contribuindo com aproximadamente 40% do consumo total de energia elétrica da unidade consumidora no horário fora da ponta, proporcionando um custo evitado com energia neste posto tarifário de R$ 2.782.969,48 (39,94 %). Os custos anuais evitados devido aos impactos sobre a demanda seriam de R$ 80.633,35 (9,27%). Os custos anuais totais evitados (com energia + demanda) seriam de R$ 2.863.642,84 (27,99%).
Edição
Seção
Mercado, Economia, Política, aspectos sociais - Impactos Sociais, Econômicos e Ambientais de Energias Renováveis