OTIMIZAÇÃO DO ÂNGULO DE INCLINAÇÃO E ORIENTAÇÃO DE PAINÉIS SOLARES PARA A CIDADE DE PETROLINA

  • Fernanda Tavares Vasconcelos Oliveira UPE
  • Luis Arturo Gómez Malagón UPE
Palavras-chave: Ângulo de Inclinação, Radiação Solar, Painéis Solares

Resumo

A média anual da radiação solar total diária em superfícies solares inclinadas foi determinada para a cidade de Petrolina (Latitude 09°04’08’’ S) utilizando dados radiométricos obtidos através do Projeto SONDA, do Atlas Solarimétrico do Brasil e da base de dados METEONORM. O ângulo de inclinação das superfícies solares foi otimizado visando o melhor aproveitamento da energia solar incidente considerando ajustes mensais, sazonais, anuais e, também, um ângulo de inclinação equivalente à latitude local. A influência da orientação foi estudada utilizando o modelo de Klein e Theilacker. Os valores máximos para a radiação solar foram obtidos para γ=180°. Além disso, resultados mostram que, devido à baixa latitude de Petrolina, painéis solares devem ser voltados tanto para o Norte quanto para o Sul ao longo do ano para otimizar mensalmente a interceptação da radiação solar total.
Edição
Seção
Radiação Solar - Recursos Solares e Meteorologia da Radiação Solar