ANÁLISE DE UM ORC REGENERATIVO E SUA APLICAÇÃO NA ENERGIA SOLAR

Autores

  • André Felippe Vieira da Cunha UFPE
  • Sandino Lamarca Santos Souza UFPE

Palavras-chave:

Energia Solar, Ciclo Rankine orgânico regenerativo, Fluido refrigerante R134a

Resumo

O presente trabalho analisa ciclos regenerativos orgânicos, objetivando sua aplicação na energia solar. Foram realizadas simulações de um ciclo regenerativo orgânico com até 4 extrações, a fim de analisar o comportamento da eficiência máxima e do trabalho gerado na turbina. Utilizou-se o R134a como fluido orgânico, usado em ciclos de temperaturas baixas. Dados de temperatura de evaporação entre 60 ºC e 100 ºC e de temperaturas de superaquecimento iguais a 120 ºC, 200 ºC e 300 ºC foram testados para análise do ciclo. Assim, foi possível verificar o comportamento do trabalho e eficiência máxima em função do número de extrações, temperatura de superaquecimento e temperatura de evaporação. Os modelos e simulações foram através do o software Engineering Equation Solver (EES) e, os resultados, analisados em Excel. Concluiu-se que a eficiência máxima aumenta com o aumento da temperatura de evaporação e do número de extrações, entretanto diminui com o aumento da temperatura de superaquecimento, já o trabalho da turbina cresce ao aumentar as temperaturas de evaporação e superaquecimento, mas decresce com o incremento das extrações.

Downloads

Edição

Seção

Conversão Térmica com Concentradores - Equipamentos e sistemas de conversão heliotérmica para eletricidade